Translate

quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

RECEITA DE ANO NOVO


Carlos Drummond de Andrade

Para você ganhar belíssimo Ano Novo 
cor do arco-íris, ou da cor da sua paz, 
Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido 
(mal vivido talvez ou sem sentido) 
para você ganhar um ano 
não apenas pintado de novo, remendado às carreiras, 
mas novo nas sementinhas do vir-a-ser; 
novo até no coração das coisas menos percebidas 
(a começar pelo seu interior) 
novo, espontâneo, que de tão perfeito nem se nota, 
mas com ele se come, se passeia, 
se ama, se compreende, se trabalha, 
você não precisa beber champanha ou qualquer outra birita, 
não precisa expedir nem receber mensagens 
(planta recebe mensagens? passa telegramas?) 

Não precisa fazer lista de boas intenções 
para arquivá-las na gaveta. 
Não precisa chorar arrependido 
pelas besteiras consumadas 
nem parvamente acreditar 
que por decreto de esperança 
a partir de janeiro as coisas mudem 
e seja tudo claridade, recompensa, 
justiça entre os homens e as nações, 
liberdade com cheiro e gosto de pão matinal, 
direitos respeitados, começando 
pelo direito augusto de viver. 

Para ganhar um Ano Novo 
que mereça este nome, 
você, meu caro, tem de merecê-lo, 
tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil, 
mas tente, experimente, consciente. 
É dentro de você que o Ano Novo 
cochila e espera desde sempre.

Poema enviado pelo Ney Rocha
Foto Vera Chvatal; clique sobre ela para ampliá-la

SIMPLESMENTE... FELIZ ANO NOVO!


Carlos Drummond de Andrade

Quem teve a idéia de cortar o tempo em fatias,
a que se deu o nome de ano, foi um indivíduo genial.
Industrializou a esperança
fazendo-a funcionar no limite da exaustão.
Doze meses dão para qualquer ser humano
se cansar e entregar os pontos.
Aí entra o milagre da renovação e tudo começa outra vez
com outro número e outra vontade de acreditar
que daqui para adiante vai ser diferente...
Para você,
Desejo o sonho realizado.
O amor esperado.
A esperança renovada.
Para você,
Desejo todas as cores desta vida.
Todas as alegrias que puder sorrir.
Todas as músicas que puder emocionar.
Para você neste novo ano,
Desejo que os amigos sejam mais cúmplices,
Que sua família esteja mais unida,
Que sua vida seja mais bem vivida.
Gostaria de lhe desejar tantas coisas.
Mas nada seria suficiente...
Então, desejo apenas que você tenha muitos desejos.
Desejos grandes e que eles possam te mover a cada
minuto, ao rumo da sua felicidade!

Estes são meus votos para um feliz 2009 a todos meus amig@s e leitores
Foto Vera Chvatal; clique sobre a foto para ampliá-la.

REINAUGURAÇÃO... FELIZ ANO NOVO!


Carlos Drummond de Andrade 

Entre o gasto dezembro e o florido janeiro, entre a desmistificação e a expectativa, tornamos a acreditar, a ser bons meninos, e como bons meninos reclamamos 
a graça dos presentes coloridos. 
Nossa idade - velho ou moço - pouco importa. 
Importa é nos sentirmos vivos 
e alvoroçados mais uma vez, e revestidos de beleza, 
a exata beleza que vem dos gestos espontâneos 
e do profundo instinto de subsistir 
enquanto as coisas ao redor se derretem e somem 
como nuvens errantes no universo estável. 
Prosseguimos. Reinauguramos. Abrimos os olhos gulosos 
a um sol diferente que nos acorda para os 
descobrimentos. 
Esta é a magia do tempo 
esta é a colheita particular 
que se exprime no cálido abraço e no beijo comungante, 
no acreditar na vida e na doação de vivê-la 
em perpétua procura e perpétua criação. 
E já não somos apenas finitos e sós. 
Somos uma fraternidade, um território, um país 
que começa outra vez no canto do galo de 1º de janeiro 
e se desenvolve na luz do seu frágil projeto de felicidade.

Recebido da amiga Sonia Rezende
Foto Vera Chvatal

terça-feira, 30 de dezembro de 2008

UMA FLOR AMARELA NO MEU JARDIM!


Uma for amarela no jardim
Um cantinho gostoso só para mim.
Vou vivendo assim, mesmo só
Curtindo momentos felizes
E outros nem tanto assim...
Pois o que importa, sim
 É a beleza da vida
Intensamente vivida!

Vera Chvatal


Clique na foto para ampliá-la
Foto Vera Chvatal

sábado, 27 de dezembro de 2008

MANHÃ DE NATAL NA PRAÇA...


 Vera Chvatal

Logo que o dia de Natal clareou minhas labradoras acordaram e saí para o quintal para dar-lhes a primeira porção de ração, pois elas comem duas vezes ao dia, cedo e à tarde.


Estava uma linda manhã, havia chovido bastante à noite, mas o sol já espiava por entre as nuvens e o céu estava ficando todo azul. Resolvi sair para caminhar com as cachorras para aproveitar o dia em toda a sua beleza matinal.
E também porque cedinho a praça fica vazia e posso soltá-las para correr e brincar livremente.
Logo que chegamos à praça havia um bando de passarinhos na relva procurando insetos para comer. Pitanga correu em direção a eles provocando uma colorida revoada de pica-paus de colarinho vermelho, sanhaços azuis e pequenas rolinhas marrons.

Nas árvores os sabiás e os bem-te-vis faziam a sinfonia matinal de louvor ao dia e as maritacas, em bandos verde-amarelo, voavam alegremente no céu azul.
Silenciosamente, em meu íntimo, uni-me a eles no louvor, na alegria, na gratidão pela vida.


Diana e Bartira logo descobriram a mangueira carregada de frutos e deliciaram-se com as mangas maduras caídas no chão. Pitanga juntou-se a elas na degustação e as três só se deram por satisfeitas quando não havia mais mangas para comer. Labrador é assim mesmo, voraz. Na época de inverno os abacateiros da praça enchem-se de frutos e elas vão de árvore em árvore procurar abacates no chão e agora no verão são as mangueiras e pitangueiras que fazem alegria delas.
Enquanto elas comiam as frutas aproveitei para fazer meus alongamentos e depois coloquei-as na guia e fomos fazer nossa caminhada diária. Voltamos para casa exaustas, felizes e agradecidas pelo belo dia de Natal que se iniciava...


Clique nas fotos para ampliá-las / Fotos Vera Chvatal

quarta-feira, 24 de dezembro de 2008

NATAL DE AMIZADE


Vem celebrar a amizade
traz toda a luz que tiveres,
mas não te esqueças do arco-íris
que escondeste no porão.

Thiago de Mello

Natal
 de amizade 
e de muita luz!
Que as múltiplas cores 
do arco-íris se façam presentes
re-encantando todos os momentos.
 E em cada novo amanhecer brilhe a luz da esperança,
preenchendo os corações de amor e paz.
Com um grande beijo no coração!

Vera Chvatal


Foto Vera Chvatal; clique sobre a foto para ampliá-la

terça-feira, 23 de dezembro de 2008

MÉDICOS SEM FRONTEIRAS NO BRASIL


Nesta época de Natal vale a pena conhecer o trabalho que a Organização dos Médicos sem Fronteiras fazem no Brasil. 
Pois, apesar de sermos hoje, a 12a economia mundial, nosso país se caracteriza por ter uma das piores distribuições de renda do mundo. 
Isto, na prática, significa que os 10% mais pobres da população brasileira dividem 0,7% da renda, enquanto os 10% mais ricos concentram 48% dela. 
Além disso, 40 milhões de pessoas vivem abaixo da linha da pobreza.
Vamos colaborar?

domingo, 21 de dezembro de 2008

A MAIS FAMOSA CANÇÃO DE NATAL




A mais popular das músicas da noite de Natal, “Noite Feliz”, foi criada pelo padre Joseph Franz Mohr e pelo professor Franz Xavier Grueber. A letra veio da inspiração do padre, em uma noite estrelada, que ficou imaginando como teria sido a noite em Belém, quando Jesus nasceu. Escreveu a letra em forma de poema, uniu a melodia presenteada pelo compositor Grueber e utilizou-a na Missa do Galo de 1818. Hoje, “Noite Feliz” é cantada em inúmeros idiomas.

Para ouvir a canção original clique no título acima!


Noite Feliz
Noite feliz! Noite feliz!
Oh Senhor, Deus de Amor,
Pobrezinho nasceu em Belém.
Eis na lapa Jesus, nosso bem.
Dorme em paz, oh Jesus!
Dorme em paz, oh Jesus!
Noite feliz! Noite feliz!
Eis que no ar vêm cantar
Aos pastores
Os anjos do céu
Anunciando
A chegada de Deus,
De Jesus Salvador!
(BIS)
Noite feliz! Noite feliz!
Oh! Jesus, Deus da Luz,
Quão amável é teu coração
Que quiseste nascer
Nosso irmão
E a nós todos salvar.
E a nós todos salvar!

Para saber mais sobre histórias de Natal:
“Natal 2000 anos de tradições”, editora Madras.

HISTÓRIAS, LENDAS E CONTOS DE NATAL

Natal é a época do ano em que as pessoas ficam mais cheias de vida, amor, alegria, criando um clima festivo, de paz e fraternidade.

O Natal é a data mais importante do calendário cristão, quando é celebrado o nascimento do Menino Jesus.Mas quando falamos sobre Natal, podemos abrir um leque de histórias, contos e tradições, que até hoje são transmitidas de geração a geração.
Para que sua festa fique ainda mais bonita e alegre, vamos contar um pouco sobre as histórias que existem por trás de alguns símbolos e enfeites natalinos, e vamos expor o que eles representam para esta época de harmonia e paz entre amigos e familiares.

PAPAI NOEL ou  SÃO NICOLAU 

Diz a lenda que São Nicolau era um homem muito rico e muito generoso.
Conta-se que ele distribuía dinheiro aos pobres e presenteava as crianças que não tinham com o que se alegrar.Faleceu no dia 
6 de dezembro, tornando este dia o Dia de São Nicolau.
Esta data é muito lembrada e comemorada em alguns países do oriente, onde os pais ainda presenteiam seus filhos fazendo uma referência a São Nicolau.
Por causa da proximidade de sua festa com a data do nascimento de Cristo, acabou-se transferindo lentamente a tradição de presentear as crianças para o dia 25 de dezembro.
Os pais costumavam dizer que era São Nicolau quem trazia os presentes do céu.
São Nicolau foi se tornando um símbolo natalino e o 1º Papai Noel reconhecido pelo mundo.

SINOS

Acredita-se que o som das badaladas dos sinos espantem todas as coisas ruins e atraiam boa sorte e alegria.








GUIRLANDA

Representa a presença do Menino Jesus na casa.
Normalmente é colocada na porta de entrada dos lares, deixando visível que aquela casa está protegida.

ÁRVORE DE NATAL
Muitas histórias são contadas sobre a origem da árvore de Natal, mas tudo indica que sua origem é tipicamente alemã.
Hoje, ela é um dos símbolos mais expressivos do Natal e as crianças aguardam ansiosas para ajudar os pais a enfeitá-la com flocos de algodão, fitas, luzes e bolas coloridas.
Segundo a lenda, a árvore é a representação de Jesus, que é o tronco, e nós somos os ramos.
As bolas e as luzes coloridas representam os frutos por ela produzidos, indicando a nossa caridade e generosidade.


Para saber mais sobre histórias de Natal:
“Natal 2000 anos de tradições”, editora Madras.

Enviado pelo André Zanarella

MENSAGEM DE NATAL...


É PROIBIDO!
Pablo Neruda 

É proibido chorar sem aprender, 
Levantar-se um dia sem saber o que fazer 
Ter medo de suas lembranças. 
É proibido não rir dos problemas 
Não lutar pelo que se quer, 
Abandonar tudo por medo, 
Não transformar sonhos em realidade. 
É proibido não demonstrar amor 
Fazer com que alguém pague por tuas dúvidas e mau-humor. 
É proibido deixar os amigos 
Não tentar compreender o que viveram juntos 
Chamá-los somente quando necessita deles. 
É proibido não ser você mesmo diante das pessoas, 
Fingir que elas não te importam, 
Ser gentil só para que se lembrem de você, 
Esquecer aqueles que gostam de você. 
É proibido não fazer as coisas por si mesmo, 
Não crer em Deus e fazer seu destino, 
Ter medo da vida e de seus compromissos, 
Não viver cada dia como se fosse um último suspiro. 
É proibido sentir saudades de alguém sem se alegrar, 
Esquecer seus olhos, seu sorriso, só porque seus caminhos se desencontraram, 
Esquecer seu passado e pagá-lo com seu presente. 
É proibido não tentar compreender as pessoas, 
Pensar que as vidas deles valem mais que a sua, 
Não saber que cada um tem seu caminho e sua sorte. 
É proibido não criar sua história, 
Deixar de dar graças a Deus por sua vida, 
Não ter um momento para quem necessita de você, 
Não compreender que o que a vida te dá, também te tira. 
É proibido não buscar a felicidade, 
Não viver sua vida com uma atitude positiva, 
Não pensar que podemos ser melhores, 
Não sentir que sem você este mundo não seria igual.

QUE 2009 VENHA CARREGADO DE SUCESSO, SAÚDE, AMOR, PAZ, PROSPERIDADE, CULTURA, TRABALHO, ESTUDOS, FAMILIA.

Um beijo, Mari Schwartzmann

Votos extensivos a todos meus amigos/as, leitores/as...

ORIGEM DA ÁRVORE DE NATAL




A “Árvore de Natal”, conhecida em algumas regiões da Europa como a “Árvore de Cristo”, desempenha papel importante na data comemorativa do Nascimento de Nosso Senhor.
Os relatos mais antigos que se conhecem acerca da Árvore de Natal datam de meados do século XVII, e são provenientes da Alsácia, encantadora província francesa.
Descrições de florescimentos de árvores no dia do nascimento de Nosso Senhor Jesus Cristo levaram os cristãos da antiga Europa a ornamentar suas casas com pinheiros no dia do Natal, única árvore que nas imensidões da neve permanece verde.
A “Árvore de Natal” é um símbolo natalino que representa agradecimento pela vinda de nosso Senhor Jesus Cristo.
O costume de preparar este belo complemento do presépio foi passando de vizinhança em vizinhança, alcançando hoje até países onde a neve é um fenômeno desconhecido.

Enviado pelo amigo André

sábado, 20 de dezembro de 2008

CARINHO ENTRE BICHINHO E HUMANO...

Egberto mandou mensagem aos amigos contando sobre o Manoel, um de seus queridos gatos:

Dezembro de 2003:
Um gato-bebê miava alto, dentre os arbustos do jardim de um hotel na Av. Beira-Mar, em Florianópiois.
Numa noite chuvosa, foi pego, alimentado, levado ao veterinário, banhado, vacinado, vermifugado e trazido de avião a Campinas.

Dezembro de 2008:
Devido provavelmente a fatores de mudanças no habitat (chegada de um quinto gatinho no apartamento), Manoel recusava a alimentar-se. Fez quadro anoréssico. Perdeu muito peso, teve acúmulo de gordura no fígado, vomitava, salivava, afebril, fez icterícia e ficou prostrado. Enzimas hepáticas bastane elevadas; leucócitos aumentados. Diagnóstico clínico-fisiopatológico: lipidose hepática felina. Conduta: internação; alimentação com proteinas via sonda esofágica, hidratação EV, ranitidina, antibiótico profilático. Evolução: parou de vomitar, evacuando e urinando normalmente; mais responsível a estímulos.

E dentre as várias mensagens recebidas dos amigos, destaco estas, pela sensibilidade poética:

Nós, gatos, temos mesmo 7 vidas,
viva Manoel
viva Eg,
viva Miro,
pelo amor.
Que seja exemplo muito além do carinho entre bichinho e humano.
Mas quem sabe,
um dia,
entre humano e humano.

Beijos, Paulo Castro


more non ha confine
l'amore non ha colore
l'amore non ha odore
l'amore è dentro di noi
basta saperlo ascoltare e sopratutto saperlo manifestare
e viva per Manoel

Paola

Na foto, Manoel no colo do Miro, após ultrassonografia, aguardando laudo médico, quinta-feira pela manhã

NATAL É TEMPO DE CONTAR ESTÓRIAS...



Rubem Alves


Primeira estória:

"...e sairam eles, pelas solidões dos desertos, montados em seus camelos, atraídos pela luz de uma estrela..."





Dizem que eram reis. Não eram. Um rei que abandonasse o reino e saísse a andar pelos caminhos do mundo seguindo a luz de uma estrela seria deposto pelos generais: havia enlouquecido.

Não, não eram reis. As Sagradas Escrituras dizem que eram magos. O dicionário Webster me informou que "mago" designava, originalmente, alguém "pertencente a uma casta de pessoas educadas e eruditas na antiga Pérsia". Alguém que vivia para estudar, para saber. Próximo a um filósofo. Os magos desta estória consultavam os astros no céu para compreender o caminho dos homens na terra. Eram astrólogos. Para a astrologia os céus são um espelho onde os mistérios da terra aparecem resolvidos.

Pois estes magos, examinando os céus, descobriram uma estrela brilhante como nenhuma outra. Ficaram fascinados com seu brilho. E essa estrela lhes contou que ela, desde tempos imemoriais, estivera procurando a mesma coisa que eles procuravam. Seus raios haviam varrido o universo desde o início até o seu fim, na busca daquilo que dá sentido ao existir. Inutilmente.

Mas, de repente, quando seus raios acidentalmente incidiram sobre este planeta insignificante chamado Terra, encontraram um brilho que não haviam encontrado em lugar algum. Ela compreendeu, então, que aquilo que ela havia procurado nos céus não se encontrava nos céus, entre as estrelas. Se encontrava na Terra. A estrela disse então aos magos que deixassem de olhar para ela. Que olhassem antes para o lugar, na Terra, que sua luz iluminava.

Foi assim que a sua longa jornada começou, seguindo o caminho que a luz da estrela indicava. E, ao final de sua longa peregrinação, chegaram ao lugar procurado. Banhado pela suave luz azul da estrela, em meio a vacas, jumentos e palha, se encontrava um nenezinho. Eles, então, foram iluminados. Não pela luz da estrela. Mas pela luz da criança.

Perceberam que sua busca havia chegado ao fim. Aquilo que os adultos esqueceram e que a sabedoria busca - as crianças sabem. Ser sábio é ser criança. O universo é um berço onde dorme uma criança. E desde aquele dia eles deixaram de olhar para as estrelas e passaram a olhar para as crianças.

CultoArte Celebrando a Vida: Advento/Natal/Epifania. CEBEP. Petrópolis: Vozes, 1999

quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

AS 10 MELHORES PRAIAS DO BRASIL


Final de ano, época de férias e viagens com a família e/ou amigos, conheça as 10 melhores praias do Brasil em termos de beleza natural, conservação, localização e limpeza das águas, eleitas pelo Guia Quatro Rodas.
São elas: Baía do Sancho, Baía dos Porcos e Praia do Leão, Fernando de Noronha, PE
Carneiros, Tamandaré, PE
Praia do Espelho, Espelho e Taipu de Fora, Barra Grande, BA
Jericoacoara, Jericoacoara, CE
Lagoinha do Leste, Florianópolis, SC
Praia do Amor, Pipa, RN
Antigos e Antiguinhos, Paratí, RJ.
Clique sobre o título e veja fotos e informações sobre as praias.

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

CAMPINAS ENFEITA-SE PARA O NATAL...



Campinas terá este ano o Natal denominado “Magia do Natal”.



"Com o objetivo de despertar o espírito natalino na cidade, a Secretaria Municipal de Comércio, Indústria, Serviços e Turismo, através do Departamento de Turismo, promovem a 4ª edição do concurso de decoração de Natal, denominado: “Magia do Natal”.

"A promoção visa, contribuir para o embelezamento da cidade para as festividades natalinas, incentivar participação da população estimulando assim a criatividade para uma bela decoração natalina e criar um clima de alegria e festa na cidade."

"Representar a tradição do Natal, mantendo o espírito natalino de fraternidade, respeito e de amor ao próximo é uma iniciativa de valor, pois o Natal é uma das Festas mais significativas e tem o poder de unir as pessoas promovendo o sentimento de solidariedade e paz entre todos."

Vamos acender as luzes do amor, da cooperação, da ética e da paz em nossos corações!

Clicando no título acima você poderá participar do concurso, votar na melhor decoração, etc.

E a foto - maravilhosa - tirada no Centro de Convivência de Campinas é de autoria de Valéria Abras.

MENSAGEM DE NATAL...







Que o Menino Jesus
Faça nascer novamente
No coração de cada um de nós:




A INOCÊNCIA
Para sabermos ser transparentes,
O CARINHO
Para cativarmos novos amigos,
A GRATIDÃO
Para valorizarmos a vida em plenitude,
O PERDÃO
Para reconciliarmo-nos no amor,
A COMPREENSÃO
Para sabermos perdoar
O ENCANTAMENTO
Para apaixonarmo-nos pela busca de felicidade,
A SABEDORIA
Para respeitarmos os pontos de vista do outro,
A SOLIDARIEDADE
Para aprendermos juntos a construir caminhos,
A FÉ
Para acreditarmos também no outro,
A PAZ
Para ajudarmos a construir sempre,
A CORAGEM
Para sabermos retomar nossos sonhos,
A VONTADE DE AMAR
Para sermos felizes!


Enviado pelos amigos Cláudia Marchetti e Caio.
Minha gratidão e retribuição aos amigos em questão e aproveito para compartilhar esses votos com todos meus amigos/as, leitores/as...

MINHA ÁRVORE DE NATAL...




Esperança
Realizações      Luz 
Felicidade            Solidariedade 
Tenacidade      Prosperidade      Reconhecimento

GRATIDÃO

FELIZ 2009!!!


Enviado pela amiga Cleide Helena Silva, com votos de Feliz Natal e próspero Ano Novo! 
Que tenhamos tudo o que merecemos e sejamos felizes! 
E que Deus continue nos abençoando e iluminando nossos passos!
É o que desejo a todos os meus amigos/as, leitores/as...

PRESENTE DE NATAL...


Aos amigos/leitores do meu blog Poetizando a Vida:

Recebi este vídeo e compartilho com todos vocês, como uma mensagem de final de ano.
É uma adaptação da linda música dos Beatles "Stand by me", cantada/tocada por artistas de rua pelo mundo afora.
Em um trabalho irretocável os trechos da música foram reunidos neste fantástico vídeo.
E todos impressionam pela qualidade.
Logo abaixo tem a letra em português.
Deixo este vídeo como mensagem de final de ano para que todos nós possamos rever, analisar e refletir sobre nossas vidas, olhando para a vida dessas pessoas que, na rua, levam a arte da música aos que passam.
Somos todos filhos do mesmo Pai/Mãe!

Beijo especial no coração, fiquem com Deus/Deusa!

"Esta canção diz: não importa quem você é,
não importa para onde vai em sua vida;
em algum momento você vai precisar de alguém para ficar com você".

Não importa quanto dinheiro você tem, todos os amigos que conquistou,
você vai precisar de alguém para ficar com você.
Quando a noite chegar e a terra escurecer
E o luar for a única luz que se vê
Não, eu não terei medo, não derramarei uma lágrima
Enquanto você e as pessoas venham e fiquem comigo
E querido/a, querido/a fique comigo, oh fique comigo (...)
venha ficar comigo
Se o céu que contemplamos despencar e cair
E as montanhas desmoronarem para o mar
Não vou chorar, não vou chorar
Não, não vou derramar uma lágrima
Enquanto você ficar, ficar comigo
Quando a noite chegar e a terra escurecer
E o luar for a única luz que se vê
Não, eu não terei medo, não terei medo
Não enquanto, não enquanto você ficar comigo...


Recebi do André que recebeu da Cristiane, da Júlia...

segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS HUMANOS



"Todos os seres humanos nascem livres e iguais em dignidade e direitos.
São dotados de razão e consciência e devem agir em relação uns aos outros com espírito de fraternidade“.



Artigo I da Declaração Universal dos Direitos Humanos."


No dia 10 de dezembro de 1948 a Assembléia Geral das Nações Unidas aprovava a Declaração Universal dos Direitos Humanos, data que passou a ser comemorada em todo o mundo como Dia dos Direitos Humanos.
No entanto, estes direitos são frequentemente violados.
Basta olhar para o conflito no Congo ou para as notícias sobre crianças que trabalham como escravas, por exemplo.

Os Direitos Humanos é um dos mais preciosos patrimônios civilizatórios da humanidade.
Portanto, nesta comemoração dos 60 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos, o importante é efetivamente trabalharmos para diminuir a distância entre a aspiração e a realidade, apoiando o desenvolvimento sustentável para todos os povos e nações, reconhecendo o direito à liberdade de expressão e lutando pela justiça social para todos os seres vivos...

Clique sobre o título para saber mais sobre a Declaração dos Direitos Humanos!
Cole em seu navegador o endereço: http://www.conjur.com.br/static/text/72629,1 e leia mais sobre os Direitos do Mundo!

GEORGE CARLIN SOBRE ENVELHECER!



COMO PERMANECER JOVEM
Livre-se de todos os números não-essenciais.
Isto inclui idade, peso e altura. Deixe os médicos se preocupar com eles.
É para isso que V. os paga.
Mantenha apenas os amigos alegres. Os ranzinzas só deprimem.
Continue aprendendo. Aprenda mais sobre o computador, ofícios, Jardinagem, seja o que for, até radio-amadorismo.
Nunca deixe o cérebro inativo.
- "Uma mente inativa é a oficina do diabo. E o nome de família do diabo é ALZHEIMER."
Aprecie as coisas simples.
Ria sempre, alto e bom som! Ria até perder o fôlego.
Lágrimas fazem parte. Suporte, queixe-se e vá adiante.
As únicas pessoas que estão conosco a vida inteira somos nós mesmos.
Mostre estar VIVO enquanto estiver vivo.
Cerque-se daquilo que ama, seja família, animais de estimação, coleções, música, plantas, hobbies, seja o que for.
Seu lar é seu refúgio.
Cuide da sua saúde: se estiver boa, preserve-a.
Se estiver instável, melhore-a. Se estiver além do que V. possa fazer, peça ajuda.
Não"'viaje" às suas culpas. Faça uma viagem ao shopping, até o município mais próximo ou a um país no exterior, mas NÃO para onde V. tiver enterrado as suas culpas.
Diga às pessoas a quem V. ama que V. as ama, a cada oportunidade.

E LEMBRE-SE SEMPRE:

A vida não é medida pela quantidade de vezes que respiramos, mas pelos momentos que nos tiram a respiração.

Enviado pelo André Zanarella

NECESSIDADES SEXUAIS... heheheheeee



Eu nunca havia entendido porque as necessidades sexuais dos homens e das mulheres são tão diferentes.
Nunca tinha entendido isso de 'Marte e Vênus'.
E nunca tinha entendido porque os homens pensam com a cabeça e as mulheres com o coração.
Uma noite, semana passada, minha mulher e eu estávamos indo para a cama.
Bom, começamos a ficar a vontade, fazer carinhos, provocações, o maior tesão e, nesse momento, ela parou e me disse:
-Acho que agora não quero, só quero que você me abrace...Eu falei:
- O QUEEEEEEEEEEEEEEEEÊ???
Ela falou: - Você não sabe se conectar com as minhas necessidades emocionais como mulher.
Comecei a pensar no que podia ter falhado.
No final, assumi que aquela noite não ia rolar nada, virei e dormi.

No dia seguinte, fomos ao shopping. Entramos em uma grande loja de departamentos...
Fui dar uma volta enquanto ela experimentava três modelitos caríssimos.
Como não podia decidir por um ou outro, falei para comprar os três.
Então, ela me falou que precisava de uns sapatos que combinassem a R$200,00 cada par.
Respondi que tudo bem. Depois fomos a seção de joalheria, onde escolheu uns brincos de diamantes.
Estava tão emocionada!! Deveria estar pensando que fiquei louco.
Acho até que estava me testando quando pediu uma raquete de tênis, porque nem tênis ela joga.
Acredito que acabei com seus esquemas e paradigmas quando falei que sim.
Ela estava quase excitada sexualmente depois de tudo isso.
Vocês tinham que ver a carinha dela, toda feliz! Quando ela falou:
- Vamos passar no caixa para pagar, amor? Daí eu disse:
- Acho que agora não quero mais comprar tudo isso, meu bem... Só quero que você me abrace!!!
Ela ficou pálida. No momento em que começou a ficar com cara de querer me matar, falei:
- Você não sabe se conectar com as minhas necessidades financeiras de homem.
Vinguei-me... mas acredito que o sexo acabou para mim até o Natal de 2010.

Luis Fernando Veríssimo.

Enviado pelo Jorge Nunez